Estado de Alagoas

» Página Inicial Sala de Imprensa Notícias 2021 Fevereiro IDERAL e SEMTABES discutem melhorias para CEASA e Mercado da Produção
11/02/2021 - 10h24m

IDERAL e SEMTABES discutem melhorias para CEASA e Mercado da Produção

IDERAL e SEMTABES discutem melhorias para CEASA e Mercado da Produção

Reunião SEMTABES e IDERAL

As duas instituições devem se unir a outras para tentar superar as dificuldades

Durante a manhã desta quarta-feira (10), diretoria e colaboradores do IDERAL – Instituto de Desenvolvimento Rural de Alagoas realizam uma reunião na sede da autarquia que contou com a presença do Secretário Municipal de Abastecimento e Economia Solidária Carlos Ronalsa.

Entre os assuntos discutidos, maneiras de como melhorar a comercialização dos produtos que chegam em Alagoas e seguem tanto para a CEASA- Central de Abastecimento, quanto para o Mercado da Produção. Vendas que, teoricamente deveriam ser em atacado e varejo respectivamente. No entanto, a falta de organização e fiscalização tem transformado essa questão num grande problema para as administrações municipal e estadual.

Os gestores Jully Beltrão (IDERAL) e Carlos Ronalsa (SEMTABES) conversaram sobre os problemas, as dificuldades e apresentaram propostas em conjunto na tentativa de encontrar a melhor solução.  

“Precisamos garantir o cumprimento da finalidade que a Ceasa e o Mercado da Produção tem de comercializar Atacado e varejo. É assim que tem ser. Os pequenos comerciantes não tem como competir com o grandes atacadistas que chegam com caminhões carregados no Mercado da Produção, ocupando o espaço dos pequenos. E a CEASA, não deve ser esvaziada como tem acontecido. Além disso, precisamos também ter o controle da qualidade dos produtos que chegam de todos os estados para serem vendidos aqui. E essa reunião, é nada mais que uma união de forças pra que tudo seja feito da maneira correta.” Afirmou a Presidente do IDERAL Jully Beltrão.

Ainda durante a reunião, foi definido que, além do IDERAL E SEMTABES, outros órgãos da administração pública devem ser convidados a ajudar , como Secretaria da Fazenda e SMTT.

Para Carlos Ronalsa, o envolvimento de mais gestores, é importante nessa busca de melhorias para estrutura e comercialização dos produtos pelo Estado. “Tudo precisa seguir o seu curso natural. “A Ceasa que vende no atacado precisa ter o controle da qualidade dos alimentos pra que a população tenha mais segurança no consumo adquiridos no varejo, no Mercado da Produção. Vamos trabalhar pra colocar as coisas em ordem”, acrescentou o secretário.

Ações do documento