Estado de Alagoas

» Página Inicial Institucional O IDERAL

O IDERAL

Tem como objetivo permitir meios e suporte para a Secretaria de Agricultura, Abastecimento e Pesca de Alagoas, ajudando a implementar seu programa para a agricultura, pesca e abastecimento, promovendo o desenvolvimento rural através do apoio ao pequeno e médio empresário agrícola, incrementando a agroindústria rural, estimulando e fomentando o progresso empresarial no campo

SIMA

Esta é uma atividade realizada pela IDERAL/AL, em convênio com o Ministério da Agricultura e do Abastecimento. A informação de mercado é, sem dúvida, uma prestação de serviço comunitário de fundamental relevância para o crescimento dos setores ligados à economia de mercado e especialmente para a mercantilização agrícola. 


OBJETIVO

Esta é uma atividade realizada pela IDERAL/AL, em convênio com o Ministério da Agricultura e do Abastecimento. A informação de mercado é, sem dúvida, uma prestação de serviço comunitário de fundamental relevância para o crescimento dos setores ligados à economia de mercado e especialmente para a mercantilização agrícola, seja para o produtor amenizar as intempéries da intermediação e transportes, seja para as demais esferas sociais, interferindo diretamente na qualidade dos produtos ofertados e na diminuição dos problemas da produção, comercialização e abastecimento regional e nacional.

CONHEÇA UM POUCO DE NOSSA HISTÓRIA

Desde 1965, o trabalho do SIMA era desenvolvido nos Estados de São Paulo, Rio de Janeiro de Minas Gerais, através de pesquisas ao nível de produtor, atacado e varejo.

Em 1971, iniciou suas atividades em Maceió, sendo chamado de SIM – Serviço de Informação de Mercado.

Já em 1975, passou a ser conhecido pelo atual nome de SIMA - Serviço de Informação de Mercado Agrícola, com o desenvolvimento de pesquisas ao nível de atacado.

COMO É REALIZADA A PESQUISA?

Em formulário específico, são anotados os preços e as procedências de grande parte dos produtos que entram na CEASA/AL.

Durante a coleta desses dados, são observados fatores como horário da pesquisa, freqüência e número de informantes.

A partir desses dados, o SIMA está apto a informar qual o menor preço que está sendo praticado na comercialização de determinado produto (preço mínimo), o maior preço encontrado (preço máximo) e o preço mais comumente utilizado (preço mais comum). Também pode constatar se o mercado está firme, fraco ou estável, analisando os volumes daqueles produtos.

De posse dessas informações, são elas enviadas à Agência Central do SIMA e estão disponíveis através de boletins diários, do site da IDERAL/AL (apenas dados de Alagoas), de jornais, televisão, rádios e do Serviço de Telepreço Agrícola.

Diante dessas orientações diárias de preços em várias praças, os usuários podem organizar um cronograma de comercialização, decidindo qual a melhor praça para colocação de seus produtos, sem ter que onerar seus custos de transporte ou vender ao atravessador.

QUEM SÃO OS USUÁRIOS DO SIMA/AL?

São todas as pessoas e empresas que, nas tomadas de decisões, precisam de informações a respeito das flutuações de preços no comércio atacadista de hortigranjeiros, cereais e oleaginosas, volumes, preços e procedências dos produtos transacionados na CEASA/AL.

Utilizar-se dessas informações é de fundamental importância para prefeituras municipais, sindicatos, associações e cooperativas rurais para que possam decidir e planejar melhor a distribuição de sua produção, atuando com menores perdas e maior lucratividade.

 

Ações do documento